fbpx

Chico Pinheiro perde direitos políticos por 8 anos, decide TRE-RO

Ele disputou uma vaga para deputado estadual em 2018

O Tribunal Regional Eleitoral de Rondônia, em sessão realizada na última terça-feira condenou o suplente de deputado estadual Chico Pinheiro (PP) a perda dos direitos políticos pelos próximos oito anos, e a nulidade de sua diplomação por abuso de poder econômico.

De acordo com denúncia da Procuradoria Regional Eleitoral, José Francisco Pinheiro, conhecido como Chico Pinheiro, proprietário do Hospital Carlos Chagas, em Ariquemes, disponibilizou à comunidade do Distrito do Garimpo Bom Futuro atendimentos gratuitos com médico clínico, fisioterapeutas, nutricionistas, psicólogos, em evento realizado na escola municipal Padre Ângelo Spadari.

No entendimento da Corte, houve abuso de poder econômico em razão da utilização indevida da estrutura de serviços e de profissionais de seu hospital para oferecer atendimentos gratuitos à população com a intenção de angariar votos. Ele teve 3.276 votos no total.

Esta foi a terceira cassação nas últimas semanas. Já foram condenados os deputados estaduais Cássia das Muletas (Jaru) e Aélcio da TV (Porto Velho). Estes dois últimos foram eleitos e estão no cargo em recurso.

Veja a sessão:

Deixe um comentário

Total
0
Share