fbpx

Com pacientes sendo transferidos a outros estados, comerciantes de RO fazem carreata contra fechamento

Acredite se quiser. Em Rondônia, estado que está enviando pacientes para ocupar UTIs em estados vizinhos, comerciantes e empresários estão reunidos na manhã desta terça-feira, 26, concentrando para uma carreata que foi marcada pelas redes sociais, em manifestação pedindo a reabertura do comércio, que está funcionando parcialmente como medida de prevenção ao coronavírus.

Também nesta terça-feira o Ministério Público Estadual acusou o governo do Estado de ter fraudado números de vagas em UTIs exatamente para atender os interesses do chamado ‘setor produtivo de Rondônia’.

A cidade de Porto Velho tem a economia centrada principalmente no comércio varejista, e os lojistas pressionam, desde o início da pandemia, pela ‘normalidade’. Nesta terça-feira, o Mato Grosso deve estar recebendo 10 pacientes em estado grave que foram transferidos de Rondônia.

Na última segunda-feira, 13 pacientes com Covid-19 de Rondônia foram levados para hospitais de Curitiba (PR).

Mas mesmo assim, o ‘comércio pujante’ de Porto Velho não pode parar.

Deixe um comentário

Total
4
Share