Diretor do DER em RO é denunciado por viagens para ‘fiscalizar’ obras, acompanhado de assessora que não tem capacidade técnica

Envie para seus amigos

O diretor do Departamento de Estradas e Rodagens de Rondônia, Elias Rezende foi denunciado por estar em constantes viagens pelo Estado à pretexto de estar ‘fiscalizando obras’, sempre acompanhado de Karina Provate Gonçalves, que ocupava  o cargo de gerente de almoxarifado, e passou a Chefe de Equipe Administrativa. O problema é que a dupla fiscaliza obras até aos domingos, dia em que as equipes não trabalham. Mesmo assim, diárias estão sendo lançadas indiscriminadamente.

Outro problema apontado na denúncia é que Karina não tem a menor capacidade para avaliar uma obra, tendo em vista não possuir qualificação técnica para tal função. 

O diretor do DER costuma compartilhar fotos de suas andanças pelas obras nas rodovias estaduais, mas a sua chefe de equipe não aparece nas imagens.

Em seis viagens registradas de Karina no sistema de Frotas do Estado, a primeira em 23 de junho e a última em 19 de agosto, ela recebeu um total de R$ 6.225. No mesmo período Elias Rezende embolsou R$ 10.325 apenas em diárias. 

Viagens de Karina
Viagens de Elias

O diretor do DER percorre o Estado com um séquito, normalmente acompanhado de três camionetes com vários assessores, sempre com a mesma justificativa, a de “fiscalizar obras’’. 

Ocorre que Elias não é engenheiro. É agente penitenciário, com especialização em Direito já foi corregedor Geral do Estado, e antes de ir para o DER, foi secretário de Meio Ambiente do governo de Marcos Rocha.

Exatamente por não ser engenheiro, fica difícil imaginar o que o secretário tanto faz nos canteiros de obras, já que o corpo técnico poderia fazer essas fiscalizações com eficiência e a um custo bem menor, em tempos de pandemia.

A jovem que o acompanha tampouco é engenheira e ser ‘chefe de equipe administrativa’ também não é função que justifique essas viagens.

A estrutura usada por Elias Rezende para deslocamentos, chega a ser comparável com a usada pelo governador Marcos Rocha, é como se o diretor do DER disputasse para ver quem leva mais gente. A questão é que Rocha governa um Estado, e Rezende, um departamento que deveria, em tese, ser gerenciado por gente qualificada para a função.

Mas, o DER de Rondônia costuma ser bem generoso com as servidoras que vivem em Jaru. Em 2015, PAINEL POLÍTICO denunciou o caso da assessora do DER que cursava medicina na Bolívia e recebia até gratificação por produtividade.

Na época, o deputado Laerte Gomes chegou a cobrar explicações, mas o caso caiu no poço do esquecimento dos escândalos que envolvem o DER em Rondônia.

3 comentários em “Diretor do DER em RO é denunciado por viagens para ‘fiscalizar’ obras, acompanhado de assessora que não tem capacidade técnica”

  1. Vergonha das vergonhas, um órgão da envergadura do DER/RO sendo usado de forma aviltande, por um diretor sem preparo técnico, para beneficiar uma assessora tão despreparada quanto seu chefe! O DER/RO que sempre foi um órgão técnico de excelência, já sob o governo Marcos Rocha tornou-se um balcão de negócios, um vergonhoso império de distribuição de CDS para os apaniguados, ainda que não detenham conhecimento e formação necessários para desenvolverem as posições que ocupam! Lastimável e vergonhoso!

    Responder
  2. No dia 20/08 no programa de Rádio & TV Informa na Hora, do Fabio Camilo os presidentes do Sindicato dos Engenheiros do Estado de Rondônia – SENGE-RO e Sindicato dos Motoristas Profissionais Oficiais e Operadores de Máquinas Pesadas – SIMPORO estiveram presentes e trataram da seguinte pauta do DER;

    1. DER estar nomeando para cargos de atribuições EXCLUSIVAS DE PROFISSIONAIS TÉCNICOS leigos;
    2. O porquê do maior Departamento de Engenharia do Estado ser comandado por profissionais totalmente alheios a Engenharia;
    3. Governador não cumpre suas promessas de campanha;
    4. Perseguição a funcionários;
    5. Concurso público, último em 2010;
    6. Valorização dos profissionais e da Instituição;

    VOCÊ NÃO PODE OUVIR, FIQUE TRANQUILO ABAIXO OS LINKS:
    Falto energia elétrica no meio do programa.

    https://www.facebook.com/radioinformanahora/videos/817950441943005/

    https://www.facebook.com/radioinformanahora/videos/2693664820910944/

    #NãoFiqueSóFiqueSócio
    #Engenheiras #Engenheiros #Fisenge #DER
    #SIMPORO
    https://www.instagram.com/p/CEFAbaXj5Rf/?igshid=13n5tlksz7iil
    https://www.instagram.com/p/CEH1sIHjTQl/?igshid=i7cpbvs9nfwe

    Responder

Deixe um comentário