Close

Ex-assessor de Marcos Rogério, acusado de traficar 1ton de cocaína, segue foragido

O ex-assessor do senador Marcos Rogério (DEM-RO) e outras 13 pessoas continuam foragidas da PF (Polícia Federal) em uma investigação que apura um esquema de tráfico de drogas e lavagem de dinheiro em Rondônia e no Ceará. Marcelo Guimarães Cortez Leite era lotado no gabinete e diz que atuava em Porto Velho, mas o senador nunca explicou quais eram suas funções de assessor. Ele está foragido desde o dia 1º de setembro e a PF segue efetuando buscas.

No início de setembro, o juiz Luís Antônio Sanada Rocha, da 1ª Vara de Delitos de Tóxicos de Porto Velho, determinou ao todo 60 mandados de busca e apreensão e 42 prisões preventivas na Operação Alcance. Até o momento, 28 pessoas foram presas.

Segundo a PF, as investigações estão desarticulando uma organização criminosa responsável pelo envio de carregamento de drogas de Rondônia para Fortaleza. Os investigadores informaram que o grupo movimentou uma tonelada de cocaína e chegou a receber R$ 1,5 milhão em 15 dias. Também é apurado o esquema de lavagem de dinheiro utilizado pelos criminosos.

Leite era tido como alguém de confiança, casado com uma promotora de justiça local.

LEIA+
O que Flávio Bolsonaro tanto faz em Rondônia?

Jornalista, consultor em comunicação e gestão de crise

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

0 Comments
Total
2
Share
scroll to top