fbpx

Ex-dono da Adrenaline, Gilvan Ferro, é preso na Bahia

Envie para seus amigos

Foragido desde que foi condenado por corrupção e desvios de recursos públicos em Rondônia, o ex-secretário de Justiça do Estado, Gilvan Ferro foi preso em Seabra (BA) durante uma abordagem de rotina da Polícia Rodoviária Federal.

Ele está à disposição da justiça rondoniense e deve ser conduzido para o Estado nos próximos dias.

Ex-dono da academia Adrenaline, em Porto Velho, que segundo denúncia do Ministério Público era usada para lavar dinheiro roubado dos cofres estaduais, Gilvan Ferro foi responsável pelo sistema penitenciário estadual até o fim de 2010, e teria movimentado entre os anos de 2005 e 2010 cerca de R$ 2,5 milhões em valores da época.

Cunhada, esposa e Gilvan

Parte desse dinheiro foi proveniente de depósitos sem identificação do depositante e outra parte refere-se a depósitos feitos por empresas com contratos com o governo estadual (incluindo a Sejus).

A academia estava em nome de Juliana e Helena Ribeiro de Barros.

*matéria editada para corrigir a primeira informação, sobre a prisão de Juliana e Helena. Elas não foram presas conforma havia sido anteriormente divulgado. A informação confusa foi repassada por uma fonte de Seabra.

Deixe um comentário