Governo federal nega abertura de porto internacional em Guajará-Mirim

Envie para seus amigos

O governo federal negou a abertura de dois portos internacionais solicitados por um empresário de Rondônia nos municípios de Costa Marques e Guajará-Mirim, que poderiam ser uma fonte de geração de empregos para essas duas cidades que fazem fronteira com a Bolívia.

Ofício encaminhado pelo Ministério de Infraestrutura, justifica a negativa afirmando que “o Estado de Rondônia já é atendido por um porto público federal, o Porto Organizado de Porto Velho, e que os instrumentos de planejamento do setor portuário, a nível federal, não contemplam a instalação de um novo porto no Estado de Rondônia”.

Deixe um comentário