Morre Almir Candury, uma das mais antigas lideranças do MDB em Rondônia

Envie para seus amigos

Pioneiro faleceu esta madrugada em Guajará Mirim

Almir Candury Pinheiro, um dos fundadores do MDB em Rondônia faleceu na madrugada desta quinta-feira em Porto Velho (RO) por problemas cardíacos.

Almir Candury Pinheiro nasceu em Porto Velho, capital do Estado de Rondônia, em 04 de julho de 1950, no bairro Caiari. Filho de um ferroviário, começou a fazer viagem de trem em companhia de seu pai ainda quando criança. Fixou-se definitivamente na cidade no ano de 1971, depois de casar com dona Nancy Rocha, em 1970, com quem vive até hoje. Teve dois filhos: Fábio, que é bacharel em  Direito, e Fernanda, que é Arquiteta.

Candury disse que começou a sua trajetória na política em 1964, quando da Revolução que levou os militares ao poder. Segundo ele, com apenas 14 anos de idade começou a frequentar reuniões políticas na casa do “seu” Frontim, em Porto Velho, de quem era vizinho e amigo de um de seus filhos.

Ajudou a fundar e fortalecer o então MDB (Movimento Democrático Brasileiro), hoje PMDB, em Guajará-Mirim com a companhia de velhos e saudosos amigos da época, dentre eles: Salomão Silva, Salomão Justiniano de Melgar, Abrahão Azulay, José Marques, o seu Zé Gato, Max Villar, Joaquim Fernandes Moura, Simião, Waldemar da Silva, Amadeu Monteiro, Sandoval Fança, Orlando Cardoso Freire e tantos outros.

Deixe um comentário