Close

Notas aleatórias de 5ª feira – Para fugir do tédio da quarentena, governador inventa agenda em Ariquemes

Liberou geral

O Ministério Público Federal em Rondônia, divulgou em sua página press release onde indicou o nome de todos os envolvidos em um esquema milionário, cujos valores ultrapassam os R$ 800 milhões, de grilagem de terras no Estado. E a peça chave, segundo o MPF, era o juiz federal Herculano Martins Nacif, morto em 2015 num acidente de carro. A divulgação dos nomes transparece um certo ranço do parte da Procuradoria com a magistratura. Foram bloqueados quase 60 veículos, além de R$ 330 milhões nas contas dos investigados. Se você está boiando no assunto, clique AQUI, AQUI e AQUI, que vai entender tudinho.

Porém

É bom lembrar que, independente de denúncia do MPF, buscas e todo o barulho que envolve essas operações, quem dá a palavra final é a justiça e esse processo, ao que tudo indica, será longo e desgastante. Para todos, acusados e acusadores.

E esse é um dos problemas

Processos muito longos costumam ser difíceis de acompanhar por parte dos procuradores originais do inquérito. Eles aposentam, outros são transferidos, e quando a denúncia é apresentada efetivamente, costuma ser derrubada porque os advogados encontram brechas deixadas ainda na fase apuratória. Quanto maior o volume de dinheiro envolvido, mais longo é o processo.

Será que foi tédio?

O governador quarentenado Marcos Rocha resolveu, de rompante, fazer uma visita a Ariquemes e sair do berço esplêndido que se encontrava. A visita não teve resultado prático algum, foi só mesmo uma fugida de casa. Deve ter sido o tédio…

Fazendo graça

Hildon Chaves declarou que só vai definir se é ou não candidato à reeleição em 6 de agosto, Até lá pretende manter o suspense. O que ele quer é sentir a reação em relação a sua candidatura. A reação que mais vi quando circulou a notícia que ele não disputaria, foi a de alívio por parte da população. Hildon não conseguiu resolver nada que havia prometido quando candidato. Nem o mínimo, que era cuidar da cidade.

LEIA+
Aleatórias de 2ª Feira - Surge um novo nome na disputa pela prefeitura de Ji-Paraná e Isaú Fonseca deve ficar fora da eleição

Agora só com receita

Ivermectina e cloroquina, dois medicamentos que não servem para absolutamente relativo à Covid-19, entraram na lista de remédios que só podem ser vendidos com receita médica, por determinação da Anvisa, graças a histeria do atual ocupante do Planalto. As mães agora, para dar remédio de lombriga, terão que ir a um posto de saúde obter uma receita. 

Jornalista, consultor em comunicação e gestão de crise

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

0 Comments
Total
1
Share
scroll to top