Close

Nova secretaria criada para Vinicius tem 47 cargos e salário de R$ 17 mil; Flores disse que ‘não queria cargos’

A Superintendência Municipal de Integração e Desenvolvimento Distrital, criada pelo Prefeito Hildon Chaves e aprovada pela Câmara Municipal em 22 de dezembro último, terá como primeiro superintendente o terceiro colocado nas eleições do ano passado à prefeitura de Porto Velho, o professor universitário Vinicius Miguel.

O salário que ele receba será de R$ 17.529,13, equivalente ao de secretário e a nova pasta tem 47 cargos no total, incluindo os 14 administradores distritais. A pasta, segundo informou o presidente da Câmara, não teve criação de novos cargos, foi feita apenas uma ‘readequação’ com a retirada de funções de outras secretarias.

Além de Vinicius Miguel, o Prefeito Hildon Chaves nomeou para a secretaria municipal de Transporte e Trânsito, o coronel da reserva Mauro Ronaldo Flores, que também disputou a prefeitura. Quando declarou apoio a Hildon no segundo turno, ao lado do presidente municipal do Solidariedade, Eliseu Muller, eles ressaltaram que ‘não estavam atrás de cargos’, “o Solidariedade não busca cargos, e o principal interesse é a implementação de projetos. Hildon Chaves se mostrou muito satisfeito e coerente com os projetos que apresentamos. Digo a quem votou no Ronaldo que nesse momento Hildon é o melhor candidato para darmos prosseguimento ao que representamos”.

Ronaldo Flores afirmou ‘ter procurado os dois candidatos’ (Hildon e Cristiane Lopes), mas que ‘encontrou no prefeito Hildon Chaves o comprometimento necessário com os projetos defendidos’. O compromisso, pelo jeito, foi cumprido.

LEIA+
Cristiane Lopes apresentava sintomas do Covid desde 30/10 e foi a debate sem máscara, revela laudo

Jornalista, consultor em comunicação e gestão de crise

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

0 Comments
Total
22
Share
scroll to top