Close

Policial penal de RO é diagnosticado com Covid-19 e acende alerta em Ouro Preto do Oeste

Contaminação foi, segundo a SESAU, “no núcleo familiar”, mas na cidade, o único caso era de um morador do Espírito Santo

Um policial penal está entre os diagnosticados com o novo coronavírus em Ouro Preto do Oeste (RO), distante cerca de 320 quilômetros de Porto Velho. O caso foi incluído no boletim da Secretaria de Estado da Saúde (Sesau) do último domingo (12).

O Sindicato dos Agentes Penitenciários de Rondônia (Singeperon) divulgou que o infectado é um servidor, de 28 anos, lotado na Casa de Detenção de Ouro Preto. A informação foi confirmada pela Sesau.

O policial é o segundo caso registrado em Ouro Preto do Oeste. O primeiro caso foi o de um homem de 57 anos que chegou de viagem do Espírito Santo.

O SINGEPERON ressalta que, em muitas Unidades Prisionais do Estado não há EPIs para todos os servidores trabalharem com segurança, além disso, está havendo o recebimento de materiais externo (jumbo). No intuito de proteger todos os servidores do Sistema Prisional do novo Coronavírus, o Sindicato já solicitou da SEJUS para que fossem disponibilizados todos os EPIs necessários para proteção dos servidores.

Segundo a Secretaria de Justiça (Sejus), os servidores que tiveram contato com o policial contaminado foram afastados do trabalho.

Contaminação

A secretaria ainda informou que a transmissão de vírus para o agente ocorreu em âmbito familiar e não tem relação com a atividade profissional. Porém, o governo não informou se a família do servidor está sendo monitorada, tampouco quem do núcleo familiar estava infectado.

O servidor está sendo acompanhado pela Secretaria Municipal de Saúde.

LEIA+
Para Marcos Rocha, decreto em vigor não precisa ser alterado; lockdown está descartado pelos próximos 14 dias

Jornalista, consultor em comunicação e gestão de crise

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

0 Comments
Total
1
Share
scroll to top