Envie para seus amigos

A pandemia do coronavírus se alastrou pelo Brasil, mas Rondônia, um estado que recebe pessoas de todo o país, o tempo todo, tem um dos menores índices da doença, e isso foi graças a ação rápida do secretário de Saúde Fernando Máximo, que adotou medidas de isolamento antes mesmo do avanço da doença no país.

Com políticas duras como suspensão das aulas, fechamento do comércio e organizando o setor de saúde no Estado.

Fernando Máximo agiu rápido e vem conseguindo o melhor resultado entre os estados

Enquanto os vizinhos Acre e Amazonas sofrem com a ameaça de uma explosão de casos, em Rondônia a situação está relativamente tranquila, e só não está melhor devido a pressão que o governo vem sofrendo por parte de setores que querem o fim do isolamento.

Mas, o governo tem encontrado respaldo tanto no Ministério Público, quanto no Judiciário e Legislativo.

O prefeito de Ariquemes, por exemplo, anunciou que pretende liberar parte do comércio a partir da próxima semana, o que possivelmente será impedido pelo judiciário e MP, que seguem no sentido de manter o isolamento social, “é o que tem funcionado de verdade”, vem repetindo o secretário Fernando Máximo em suas entrevistas.

De fato, números do Ministério da Saúde desta sexta-feira confirmam que o secretário está correto. Rondônia segue na lista dos estados com menos casos em todo o país.

Até a tarde de sexta-feira (3) foram consolidados os seguintes resultados para Covid-19 em Rondônia:

Confirmados – 10

Óbito – 01

Pacientes internados confirmados com Covid-19 – 01

Aguardando resultado do Lacen – 165

Descartados – 518

Coronavírus: Casos Rondônia#DeusNosAbençoe

Posted by Fernando Máximo Máximo on Thursday, April 2, 2020
blogpainel

blogpainel

Jornalista, consultor em comunicação e gestão de crise

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *