fbpx

Porto Velho teve sim prejuízos com ‘golpe’, ao contrário do que diz o prefeito

O prefeito de Porto Velho, Hildon Chaves (PSDB) tentou minimizar a vergonha que está passando nesta quinta-feira, e em release alega que a cidade não teve prejuízos com o golpe, que não chegou a ser concretizado, da venda de vacinas de Oxford/AstraZeneca, aplicado por trambiqueiros cariocas.

É evidente que a prefeitura teve prejuízos, morais, materiais e principalmente a frustração dos porto-velhense que acreditaram na conversa fiada de Hildon, com seu ‘grupo de investidores’, que sequer se deu ao trabalho de alugar uma sala para enganar a equipe da prefeitura. Os golpistas usavam um escritório de coworking.

O prefeito se diz supremo, e alega ter feito uma ‘investigação social’ e que ‘nada foi encontrado a ponto de desabonar a conduta da equipe’. Sinceramente, prefeito, o senhor deveria demitir toda a equipe responsável pela tal ‘investigação’. Bastaria comprar uma passagem para visitar os escritórios da tal empresa.

Deu ruim…

Mas, a culpa não é de apenas de Hildon Chaves, é maior ainda da Câmara de Vereadores. Os iludidos edis, que tem e responsabilidade de fiscalizar os atos do Executivo, ficaram abanando as orelhas enxergando uma oportunidade de tirar uma lasquinha eleitoral, e simplesmente aceitaram tudo que a prefeitura dizia, até mesmo a balela de ‘grupo de investidores’.

O que era para terem feito, checado as informações, telefonado ao laboratório e ter obtido credenciais confiáveis, se transformou em um imenso circo, onde os vereadores se limitavam a dizer que estavam ‘torcendo’ para que tudo desse certo. Nunca se tratou de torcida, e sim de fatos. E todos ignoraram.

A prefeitura gastou com a ampliação de uma câmara fria para ‘guardar as vacinas’, mandou imprimir 3 mil camisetas, e certamente teve outros gastos, que desconhecemos.

O dinheiro só não foi repassado aos golpistas por um detalhe bem simples, haviam outros, como Tribunal de Contas acompanhando a compra. Porque se dependesse da prefeitura, os trambiqueiros estariam em Dubai queimando o dinheiro de Porto Velho.

Para quem dizia conhecer bandido com dois minutos de conversa, Hildon anda destreinado.

1 comentário em “Porto Velho teve sim prejuízos com ‘golpe’, ao contrário do que diz o prefeito”

  1. Rapaz, não é primeira que o Deus Sol da Agência de Desenvolvimento apronta dessas em assuntos internacionais. Certa feita convenceu o SEBRAE-RO a bancar a ida dele e de uma comitiva de cupinchas à China para vender castanhas do Brasil sem antes sequer fazer um estudo de demanda. O resultado foi um passeio pela China com tudo pago pelo nosso dinheiro para passar a vergonha de ofertar e não conseguir entregar uma única castanha sequer.

    Responder

Deixe um comentário

Total
10
Share